18/04/2021

A Voz da Esquerda Judaica

Mauro Nadvorny & Amigos

Sem noção

Sabe quando a gente está entre amigos, alguém contando uma coisa muito triste e chega aquele amigo que sem perguntar nada fala a coisa mais inconveniente e inapropriada  possível? Este é o chamado “sem noção”.

De repente estamos nos descobrindo cercados de sem noção por todos os lados. O Nelson Rodrigues disse que os idiotas vão tomar conta do mundo, não pela capacidade, mas pela quantidade. Desculpe, mas ele errou pelo menos em relação ao Brasil. Nosso país está sendo tomado pelos sem noção, e eles são a maioria.

Já tem gente que votou naquele arremedo de milico para presidente e 24 horas depois já está postando que se arrependeu! Isso é um bando de sem noção.

Uma professora eleita deputada em Santa Catarina, manda os alunos gravarem as aulas para fazerem denúncias e posa em uma foto de espingarda cor de rosa nas mãos! Isso é uma sem noção.

Uma mãe fantasia seu filho branco de escravo negro para uma festa de Halloween e diz que os livros de história estão errados, nunca houve escravidão no Brasil! Isso é uma sem noção.

Um estudante de direito faz um vídeo no dia da eleição dizendo que agora a negraiada vai morrer, viva o capitão. Feliz da vida posta nas redes sociais. Isso é um sem noção.

Um astronauta nomeado ministro da Ciência e da Tecnologia diz que vai combater o mesmo inimigo, interno ou externo com o sacrifício da própria vida! Isso é um sem noção.

Um juiz que julgou os adversários do capitão presidente foi convidado para ser o Ministro da Justiça e aceitou! Isso é um sem noção.

A cada hora aparece mais um, e mais um numa tsunami sem noção que vai tomando conta do país e é impossível de ser contida.

Claro que não falta inspiração para todos estes sem noção. E ela vem do agora eleito, sem noção, para a presidência do Brasil. Ele é o mito deles, justamente por representar o que eles foram à vida inteira e estavam contidos. Agora saíram do armário, mas todos ao mesmo tempo.

Estamos chegando a um ponto sem volta e eles em breve neste ritmo vão se tornar a norma, e nós, simples mortais os inconvenientes que temos educação, que lemos livros, que nos informamos e sabemos a hora de se calar, não vamos ter outra saída, senão entrar no armário que ficou vazio.

Quando isso acontecer, talvez a onda comece a retroceder. Aos poucos ela vai retornando para o seu ponto inicial e o sem noção irá perceber que o seu mundo sem noção é o caos.

Ninguém mais compreende nada e tudo parece estar do avesso. Então nós os normais vamos passar a ser notados novamente. Vão nos abrir as portas e nos pedir para sair.

Eu não sei se o sem noção mor assume na virada do ano. Talvez uma tempestade de bom senso se abata sobre o TSE e o STF e aquele caixa 2 da campanha de disseminação de fake news, para qual existe lei, mele as eleições.

Se isso não acontecer, percebam que é sem noção um General bater continência para um Capitão que foi expulso do exército por planejar um atentado terrorista.

Talvez no primeiro semestre do ano que vem depois de implementar todas as maldades prometidas, com um estafe de corruptos no primeiro escalão do governo, e todos estiverem sentindo as consequências de terem votado num total sem noção, a gente acorde deste pesadelo sem noção.

 

Deixe uma resposta